NADA MUDOU

  • quarta, 19 abril 2017 00:00
Didira tentou articular jogadas, mas parou na eficiente marcação do ASA Didira tentou articular jogadas, mas parou na eficiente marcação do ASA Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas

CSA abre marcador, sofre empate e ASA consegue segurar a vantagem para jogo em Arapiraca

 

Comemoração do gol do CSA: começo de jogo - Foto: Ailton Cruz

 

O CSA bem que tentou reverter a vantagem do ASA no primeiro jogo das semifinais do Campeonato Alagoano. Chegou a estar na frente, logo no minuto inicial da partida, mas o ASA conseguiu o empate, deixando tudo igual no 1º confronto. O gol do CSA foi marcado por Thales enquanto Juninho marcou para o ASA.

O empate em 1 a 1 manteve a situação de vantagem do ASA inalterada. No segundo e decisivo jogo no próximo domingo, 23, o ASA precisará de um novo empate para ser finalista. Ao CSA resta apenas buscar uma vitória para chegar a decisão.

 

O Jogo

O CSA começou incendiando o jogo. Primeiro minuto, bola parada e bola alçada por Celsinho, o zagueiro Thales se atirou na bola, desviou para o gol e marcou o gol azulino no primeiro minuto.

Com a vantagem, o CSA criou confiança. Ele alinhou suas linhas, compactou a equipe mas começou a encontrar espaços, tendo qualidade na transição. Alex Henrique criava boas situações na dobradinha com Celsinho. No outro corredor, Vanger buscava a jogada individual. Em pelo menos duas oportunidades, o CSA poderia ampliar o marcador. Uma delas em uma jogada individual de Vanger.

Aos 32 minutos, novamente o CSA usou a bola parada para incendiar a partida. Após o escanteio cobrado por Celsinho, Douglas Marques surgiu de cabeça no meio da área, cabeceou e Douglas Gonçalves salvou praticamente na linha.

Juninho agradece o golaço marcado contra o CSA - Foto: Ailton Cruz

 

O ASA começou a entender o jogo. Aos poucos, o time alvinegro começou a sair para o jogo. Aos 41 minutos, após uma bola alçada na área, o CSA deu o rebote e a primeira bola ficou com o ASA. Juninho dominou a bola e soltou um petardo para empatar a partida.

Aos 16 minutos, o ASA quase virou o marcador. Em uma falta marcada em dois lances, Téssio passou o pé em cima da bola e Eron bateu com qualidade, forçando Mota a fazer uma defesa difícil. Aos 21 minutos, Daniel Costa buscou o lançamento no ponto futuro, Everton Heleno dominou a posse de bola na disputa de corpo com Eron, dominou e chutou em diagonal para Luis Cetin fazer uma bela defesa.

O jogo seguiu com o CSA buscando o segundo gol, mas sem efetividade enquanto o ASA se defendeu de forma eficiente e tentava os contra-ataques para vencer a partida.

 

Ficha Técnica

CSA 1 x 1 ASA

Campeonato Alagoano – Semifinal – Jogo 1

Local: Estádio Rei Pelé (Maceío)

Árbitro: Luis Flávio de Oliveira (FIFA-SP)

Árbitro Assistente 1: Claudio Camilo da Silva (CBF-AL)

Árbitro Assistente 2: Douglas Lino da Silva (FAF)

4º Árbitro: Rafael Carlos Salgueiro (FAF) e Francisco Raimundo Freitas (FAF)

Renda: R$  Público:

Cartões Amarelos: Jacó, Didira, Thales (CSA) Leandro Kível, André Lima, Douglas Gonçalves (ASA)

Gols: Thales (CSA) 1’ e Juninho (ASA) 41’do 1º tempo;

Equipes:

CSA: Mota, Celsinho, Thales, Douglas Marques e Rafinha; Dawhan e Everton Heleno;  Alex Henrique(Cassiano), Didira e Vanger(Daniel Costa); Jeam(Jacó)

Técnico: Oliveira Canindé

ASA: Luis Cetin, Douglas Gonçalves, Eron (Montoya), André Lima e Airton; Mazinho, Juninho, Leanderson e Téssio(Diego Palhinha); Leandro Kível (Jeferson Baiano) e Jean Carlos

 Técnico: Maurílio Silva

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.