GALO MALUCO

  • domingo, 07 maio 2017 00:00
Com eficiência, Diego foi importantíssimo para a conquista do tricampeonato do CRB Com eficiência, Diego foi importantíssimo para a conquista do tricampeonato do CRB Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas

Em jogo de cinco gols, CRB vence novamente o CSA e conquista tricampeonato

 

Foi um jogo louco.  O jogo final do Campeonato Alagoano teve cinco gols, todos marcados no 1º tempo e uma vitória sensacional do CRB por 3 a 2, garantindo ao Galo, o tricampeonato alagoano.

Adalberto, Mailson e Neto Baiano fizeram os gols do CRB. Celsinho e Daniel Costa marcaram os gols azulinos.

Mesmo com a presença do torcedor azulino, que lotou as dependências do Estádio Rei Pelé, o CRB segurou a pressão e comemorou uma conquista sensacional.

O Jogo

O jogo começou com muita movimentação e muitas disputa pelo espaço. O CSA optava pela sua característica de toque de bola e muita velocidade.  Já o CRB se postava com força defensiva e com saída em velocidade.

O CSA tentou em bolas de fora da área ou em lances de bolas alçadas. Neto Baiano e Thales travavam um duelo particular na primeira bola

Aos 15 minutos, Rafinha fez um crazamento e Daniel Costa surgiu como homem surpresa, no meio da defesa e com um tapinha Juliano fez uma defesa sensacional, evitando o empate. No minuto seguinte, Celsinho de cabeça, após cruzamento de Thiago Potiguar, empata o jogo. 1 a 1.

A decisão estava sensacional e dois minutos depois, a bola veio do lado direito, Edson Ratinho recolou no meio da defesa na pequena área e Maílson como um flecha estufou as redes do CSA: CRB 2 a 1.

O CSA insistiu em jogadas por dentro e não conseguiu furar o bloqueio defensivo. Aos 32 minutos, o zagueiro Douglas Marques não cortou uma bola pelo alto, Mota teve que sair como líbero, mas o corte caiu nos pés de Maílson. Ele dominou de fora, adiantou e soltou o pé, a bola desviou, Neto Baiano fez o pivô, girou para cima da zaga e com um voleio, fez um golaço, o terceiro do CRB: 3 a 1. Com o terceiro gol do Galo,  alguns torcedores começaram a deixar o campo.

Dois minutos depois, Thiago Potiguar foi derrubado e na falta, Daniel Costa e Rafinha se posicionaram. Rafinha passou pela bola e Daniel Costa cobrou com imensa categoria, no ângulo, um golaço: 3 a 2. Em desvantagem, o CSA passou a fazer um jogo Kamikaze, o time azulino partindo com tudo e o CRB tendo a bola do contra-ataque para matar a partida.

O primeiro grande lance no segundo tempo, surgiu nos pés de Dawhan, que driblou o Yuri e chutou, a bola bateu na trave e no retorno quase que Vanger faz o gol azulino.

Com a desvantagem no marcador, o CSA seguiu dominando as ações, mas sem conseguir penetrar no meio do sistema defensivo, o time azulino não criava grandes oportunidades.

 

Ficha Técnica

CSA 2 x 3 CRB

Campeonato Alagoano – Decisão – 2º Jogo

Local: Estádio Rei Pelé (Maceió)

Árbitro: Anderson Daronco (FIFA-RS)

Árbitro Assistente 1: Márcia Bezerra Caetano (FIFA-SP)

Árbitro Assistente 2: Fabrício Vilarinho da Silva (FIFA-GO)

4º Árbitro: Dênis Ribeiro Serafim (AL)

5º Árbitro: Maxwell Rocha da Silva (AL)

Renda: R$  Público:

Cartões Amarelos: Mailson (CRB) Thales, Thiago Potiguar (CSA)

Expulsões:

Gols: Adalberto (CRB) 10’ , Celsinho (CSA) 16’ e Maíslon (CRB) 18’, Neto Baiano (CRB) 32’, Daniel Costa (CSA) 35’ do 1º tempo

Equipes:

CSA: Mota, Celsinho, Thales, Douglas Marques e Rafinha(Cleyton); Dawhan, Marcos Antonio, Didira e Daniel Costa; Vanger (Jeam)e Thiago Potiguar(Leandro Souza)

Técnico: Oliveira Canindé

CRB: Juliano, Edson Ratinho, Adalberto, Gabriel e Diego; Adriano (Jorginho) e Yuri; Chico, Danilo Pires e Maílson(Elias); Neto Baiano (Maxwell)

 

Técnico: Léo Condé

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.