JOGO ÉPICO

  • sábado, 24 março 2018 00:00
CSA consegue vitória épica, emocionante e chega a decisão do título CSA consegue vitória épica, emocionante e chega a decisão do título Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas

Em jogo emocionante, CSA consegue vitória e classificação já aos 51 minutos com gol de Boquita

 

O CSA é o primeiro finalista do Campeonato Alagoano. Em um jogo emocionante, decidido apenas nos acréscimos, o CSA conseguiu a vitória por 2 a 1. O gol da classificação azulina surgiu apenas aos 51 minutos, quando após um escanteio, Boquita chutou de fora da área, a bola desviou na defesa alvinegra e entrou.

A bola nos fundo da rede causou distintas reações no Rei Pelé. No lado azulino, alegria, lágrimas e muita comemoração. No lado alvinegro, lágrimas, decepção e frustração.

Aos 31 minutos, o CSA abriu o marcador com um gol contra do zagueiro Caique. Já aos 48 minutos, Jean Carlos empatou o jogo, mas Boquita deu a vitória ao CSA aos 51 minutos.

Com o resultado, o CSA confirmou sua presença na decisão do título, além de garantir participação na Copa do Brasil. Já o ASA disputará o terceiro e quarto lugares em busca de uma vaga na Copa do Brasil.

O Jogo

CSA começou pressionando e buscando abrir o marcador. Logo no minuto inicial, Boquita chutou de fora da área e com o campo molhado, o goleiro Dida fez a defesa com uma manchete, como se fosse um jogador de vôlei.

Novamente o CSA tentou no chute direto abrir o marcador. Aos três minutos, Echeverria chutou forte e novamente Dida fez a defesa.

Após a blitz impressionante do time azulino, o ASA saiu para o jogo e finalizou pela primeira vez somente aos 17 minutos. O lateral esquerdo Lucas Piauí experimentou de intermediária e Alexandre Cajuru fez a defesa em dois tempos um função do gramado molhado.

O CSA teve a grande oportunidade aos 25 minutos, quando Didira dentro da área recebeu o passe, conseguiu driblar um marcador, mas chutou por cima. Echeverria reclamou muito pois queria o passe.

A resposta do ASA veio aos 39 minutos. Leandro Souza errou na saída de bola, Juliano recebeu o passe dentro da área e  chutou cruzado quase na linha de fundo, Cajuru deu um tapa e evitou que Romulo finalizasse , no rebote, Cal chutou de fora área.

Aos 40 minutos, o CSA ficou perto do gol. Após o passe vindo do lado esquerdo, Josimar chutou fraco e Dida fez uma grande defesa, no rebote Echeverria chutou mascado e Daniel Costa ainda teve a possibilidade de finalizar, mas bateu mal na bola.

Aos 47 minutos, Didira fez grande linda jogada individual, driblou a marcação dentro da área e chutou com a bola explodindo no travessão.

Logo no começo do tempo final, o ASA teve uma ótima oportunidade. Após lançamento de Caaporã, Romulo escorou e Isaias finalizou, Leandro Souza, se jogou e evitou o gol do ASA.

No lance seguinte, Didira fez grande jogada, foi ao fundo e cruzou, Josimar dominou de costas, girou mas ao bater não conseguiu dar força na finalização, Dida fez a defesa.

Aos 27 minutos, o grito de explosão do torcedor azulino. Daniel Costa cobrou uma falta, Leandro Souza subiu e cabeceou , a bola desviou em Caique e foi para o fundo do gol: CSA 1 a 0.

Saindo para o jogo, o ASA deixou espaços. Aos 31 minutos, Josimar arrancou contra dois jogadores do ASA, conseguiu driblar Caique e Chiquinho, driblou Dida e chutou, mas Cal conseguiu evitar o segundo gol azulino.

Aos 38 minutos, o ASA silenciou o Rei Pelé. Jean Carlos criou uma linda jogada, a bola foi cruzada e na entrada da pequena área, Romulo bateu por cima. Que susto no Rei Pelé.

Já aos 48 minutos, a defesa do CSA errou e Jean Carlos dividiu com Cajuru, empurrou para o gol e empatou a partida: 1 a 1.

Já aos 50 minutos, Dida fez uma linda defesa no chute  de Boquita. Na cobrança do escanteio, já aos 51 minutos, Boquita bateu para o gol e fez o torcedor azulino explodir em emoção: CSA 2 a 1.

Logo após o gol o árbitro não deu nem o reinício da partida, encerrando a partida. CSA garantido na decisão.

Ficha Técnica

CSA 2 x 1 ASA

Campeonato Alagoano – Semifinal – 2º Jogo

Local: Estádio Rei Pelé (Maceió)

Árbitro: Wagner Reway (MT-FIFA)

Árbitro Assistente 1:  Alessandro Alváro Matos (BA-FIFA)

Árbitro Assistente 2: Bruno Boschilia (PR-FIFA)

4º Árbitro: Regildenia de Holanda Moura (SP-FIFA)

Renda: R$ 74.770,00  Público: 7.442 torcedores (com 6.208 pagantes)

Cartões Amarelos: Juliano, Caique (ASA) Yuri, Jonh Lennon, Josimar (CSA)

Gols: Leandro Souza (CSA) 31’ , Jean Carlos (ASA) 48’ e Boquita (CSA) 51’ do 2º tempo

Equipes:

CSA: Alexandre Cajuru, Jonh Lennon, Leandro Souza, Xandão e Rafinha; Yuri e Boquita; Didira (Celsinho), Daniel Costa (Dawhan) e Echeverria (Taiberson); Josimar

Técnico: Marcelo Cabo

ASA: Dida, Chiquinho, Caique, Lucas Bahia e Lucas Piauí; Cal, Luiz Gustavo (Wesley), Juliano (Isaías) e André Beleza; Romulo e Caaporã (Jean Carlos)

Técnico: Jaelson Marcelino

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.