SEM GOL, SEM VITÓRIA

  • domingo, 04 agosto 2019 00:00
CSA fica no empate sem gols com o Vasco em Cariacica CSA fica no empate sem gols com o Vasco em Cariacica Mattheus Pimenta - ASCOM CSA

CSA consegue competir, fica mais próximo da vitória, mas não marca e empata com Vasco

 

 

Ainda não foi desta vez. Fazendo uma partida competitiva contra o Vasco, no Estádio Klebér Andrade, em Cariacica (ES), o CSA empatou sem gols com o time da Cruz de Malta. Foi o segundo empate sem gols seguido do time azulino. Na rodada passada, o CSA havia empatado com o Grêmio também por 0 a 0.

Apesar do empate sem gols, o CSA deixou a impressão de que esteve mais perto da vitória. Em pelo menos três oportunidades claras, o CSA fez o goleiro Fernando Miguel trabalhar. Já o Vasco forçou João Carlos a fazer apenas uma defesa sem um grau relevante de dificuldade.

O Vasco ainda reclama de um lance em que a bola pegou na mão do volante Naldo e que a arbitragem não marcou.

Com mais um ponto somado, o CSA chega a oito pontos na tabela de classificação, com apenas uma vitória e cinco empates. O time azulino continua na 19ª posição e já sabe que mesmo se vencer o Fortaleza, na próxima rodada, permanecerá na zona de rebaixamento. Já o Vasco chegou aos 14 pontos e não alterou sua posição na classificação: 15º colocado

Na 14ª rodada, o CSA enfrentará o Fortaleza, na próxima segunda-feira, 12 ás 20h, no Estádio Rei Pelé. Já o Vasco jogará no domingo,11, contra o Goías, no Estádio Serra Dourada ás 19h.

O Jogo

O começo do CSA foi de certa forma surpreendente. A equipe azulina foi intensa na marcação e inclusive sufocava a saída de jogo. No minuto inicial, Didira roubou uma bola e serviu Jonatan Gómez em clara condição de abrir o marcador, mas o árbitro da partida apontou falta do camisa 19 do CSA, invalidando o lance.

Aos seis minutos, Apodi conduziu pelo corredor direito e sem receber marcação, soltou uma pancada de fora da área. Fernando Miguel deu o rebote e por muito pouco, Maranhão não chega para definir.

O CSA era o time que mais pressionava. Carlinhos teve um lateral cobrado para dentro da área, jogadores do CSA participaram do lance até que Maranhão abriu para o lado direito e Jonatan Gómez soltou uma pancada para uma linda defesa do Fernando Miguel.

O time azulino voltou a chegar, incomodando a defesa do Vasco. Aos 17 minutos, Maranhão disputou com Yago Pikachu e tocou para Jonatan Gómez que cruzou com perfeição na cabeça de Didira, o meia azulino cabeceou por cima do gol vascaíno.

Diferente do primeiro tempo, o tempo final começou com o Vasco agredindo mais. O time da cruz de malta ocupava espaços, imprensava o CSA, mas seguia com pouca qualidade na finalização.

Somente aos 17 minutos, o Vasco que pressionava de forma mais intensa, conseguiu chegar com mais perigo. A bola foi alçada na área por Henrique, houve um desvio, mas Carlinhos acabou afastando

Aos 31 minutos, o jogo foi paralisado por falta de potencial energético e ficou parado por dezesseis minutos. Na volta, o CSA teve uma nova chance. Eram 47 minutos, Jonatan Gómez cruzou, Luciano Castan fez um primeiro desvio e Alecsandro disputou a bola com Fernando Miguel e finalizou por cima do gol. O árbitro já apontava a irregularidade.

O CSA continuou chegando menos mas com mais qualidade. Jonatan Gómez dominou uma bola na intermediária e encontrou Dawhan, em diagonal, penetrando nas costas do lateral. O volante azulino entrou sozinho, chegou a perder o equilíbrio mas mesmo assim finalizou, a bola passou perlo goleiro vascaíno, mas o zagueiro Oswaldo Henriquez salvou o time carioca.

O Vasco seguiu com mais posse de bola, rondava a área do CSA, mas não criava oportunidades. As principais situações ofensivas ainda eram construídas pelo jovem atacante Talles  Magno em arrancadas ou jogadas individuais.

Apesar do domínio, o Vasco não conseguiu criar nada relevante e João Carlos limitou-se a cortar cruzamentos, travando as investidas do Vasco.

Ficha Técnica

Vasco 0 x 0 CSA

Campeonato Brasileiro – Série A – 13ª Rodada

Local: Estádio Kleber Andrade (Cariaçica-ES)

Árbitro: Marielson Alves Silva (CBF-BA)

Árbitro Assistente 1: Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA-SP)

Árbitro Assistente 2: Eduardo Goncalves da Cruz (CBF-MS)

4º : Felipe Duarte Varejão (CBF-ES)

Árbitro Assistente de Vídeo 1: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (CBF-SP)

Cartão Amarelo: Osvaldo Henriquez , Raul, Marcos Junior, Talles Magno, Leandro Castan(Vasco) João Vitor (CSA)

Equipes:

Vasco: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Osvaldo Henriquez, Leandro Castan e Henrique; Ricardo, Raul(Valdivia), Marquinho (Marcos Junior) e Bruno César(Tiago Reis); Marronny e Talles Magno

Técnico: Wanderley Luxemburgo

CSA: João Carlos, Apodi, Alan costa, Luciano Castan e Carlinhos; Nilton( Jean Kleber) e João itor; Didira (Dawhan), Jonatan Gómez e Maranhão; Alecsandro

Técnico: Argel Fucks

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.