RECEITA

  • quarta, 02 outubro 2019 00:00
Argel Fucks 'ganha' renovação para permanecer no CSA - Foto: ASCOM CSA Argel Fucks 'ganha' renovação para permanecer no CSA - Foto: ASCOM CSA

Para evitar saída de Argel , diretoria do CSA opta por ‘aplicar remédio’ a longa prazo: contrato anual

 

Em meio a semana de preparação para o importante jogo contra o Avaí, o CSA teve que se preocupar com a ameaça – real – de perder seu treinador para o restante da Série A.

Argel Fucks recebeu uma proposta concreta do Ceará para trocar Maceió por Fortaleza. Segundo apurações do site esportealagoano, a conversa inicial surgiu através do próprio Argel que teria falado a um interlocutor a possibilidade da troca.

A partir do momento que o Ceará recebeu e viu uma boa possibilidade em tirar o técnico azulino, a diretoria do CSA caiu em campo e aplicou uma dose ‘imediata’ de remédio e com efeito terapêutico para longa prazo.

A medida para segurar Argel Fucks no CSA passou por ampliar o vínculo do treinador com o clube. O contrato de Argel estava assinado até dezembro deste ano, mais precisamente, até dia 10. A direção do CSA confirmou a renovação através da própria fala do presidente do CSA Rafael Tenório, que em um vídeo dirigido para a torcida do CSA confirmou. ‘Ficou acordado e assinado que o Argel irá permanecer no CSA, comandando o futebol até 30 dezembro 2020, portanto na próxima temporada, o Argel continuará como nosso treinador”, afirmou Rafael.

Um detalhe importante é que apesar de ter acontecido a ampliação do vínculo do treinador com o clube, o novo prazo não estabelece a cobrança de multa, nem para um eventual desligamento do clube, nem para uma opção de descontinuidade por parte do treinador.

Ainda em relação a permanência do treinador, a diretoria azulina não confirma que no acerto tenha havido um reajuste no valor que o treinador percebe no clube.  Segundo uma fonte ligada a própria direção, o treinador não recebeu reajuste. A reunião teria definido que Argel receberia um reajuste se a equipe permanecesse na Série A. Caso caia para Série B, o valor destinado a comissão técnica passaria por um ‘ajuste’ a realidade da Série B.

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.