EX PODEROSOS

  • quinta, 27 fevereiro 2020 00:00
Mardden tenta defesa: jogo bem equilbrado e vitória do time da casa Mardden tenta defesa: jogo bem equilbrado e vitória do time da casa Pietro Carpi/Vitória

CRB é derrotado em Salvador com ‘Lei do ex’ poderosa e fica fora do G4 na Copa do Nordeste

 

Mesmo apresentando um futebol competitivo em Salvador, contra o Vitória, na noite desta quinta-feira, o CRB foi derrotado pelo rubro-negro por 2 a 1. A competitividade, o fato de não se acovardar frente ao Vitória não foram suficientes para o Regatas obter um resultado positivo.

Problemas apresentados no sistema de marcação, posicionamentos dos zagueiros e as opções existentes para mudanças acabaram sendo decisivas para a derrota do CRB.

O time do Vitória teve, na ‘lei do ex’, o seu trunfo para obter o resultado. Léo Ceará abriu o marcador ainda no primeiro tempo, mas Xandão em uma linda cobrança de falta empatou, mas logo depois Alisson Farias voltou a colocar o time baiano em vantagem.

Inspirado no hit de Marilia Mendonça,  ‘Saudade do meu-ex’, a torcida do CRB ‘chorou’ as atuações de Léo Ceará e Alisson Farias, no ano passado, 9 e 11 do CRB,

Com a derrota, o CRB estacionou nos cinco pontos eperdeu uma posição, ciando para o quinto lugar no grupo A. Já a vitória fez o rubro-negro baiano chegar aos nove pontos e assumir a vice-liderança do grupo B.

Na próxima rodada, o CRB enfrentará o Náutico, na próxima quarta-feira, 4, ás 19h30, no Estádio Rei Pelé. Já o Vitória enfrentará o ABC, no domingo, 8, ás 18h, no Frasqueirão.

O jogo

Jogando em casa, o Vitória começou incomodando o CRB principalmente nas bolas paradas. O personagem a desequilibrar era o lateral Thiago Carleto. Logo aos quatro minutos, Thiago Carleto cobrou uma falta com muita força, a bola subiu um pouquinho e quase trai o goleiro do Galo. A bola bateu no peito do goleiro e foi para fora.

Pouco depois, o CRB também incomodou. Após Igor Cariús alçar a bola na área, Carlos Jatobá deu um leve toque, a bola bateu na defesa e voltou para o próprio Jatobá, que chutou cruzado, assustando a defensiva do Vitória.

Depois deste lance, o Vitória aumentou o ritmo e com a participação do Thiago Carleto. Aos 19 minutos um lance perigoso. Falta no lado do campo para Thiago Carleto, ele rolou para trás e Bocão chegou chutando forte, a bola foi desviada no braço de Claudinei e os jogadores do rubro-negro pediu uma penalidade. Mas o árbitro assistente encontrou um impedimento de jogadores do Vitória dentro da área.

Carleto voltou a insistir quatro minutos depois e em nova cobrança de falta mandou por cima do gol.

Mas quatro minutos depois não teve jeito. Thiago Carleto não recebe marcação ainda no seu campo defensivo e com um lançamento longo com troca de corredor, ele encontra Léo Ceará dentro da área do CRB no ‘mano a mano’ com Xandão. Falha de marcação no início da jogada e no posicionamento, pois Xandão estava na marcação individual e sem cobertura. Léo Ceará girou em cima de Xandão e chutou forte, cruzado. Vitória 1 a 0.

Após o gol rubor-negro, o CRB passou a sair mais para o jogo. E em dois lances, o CRB poderia ter conseguido o empate. Aos 36 minutos, grande jogada criada por Léo Gamalho que se deslocou pelo lado direito e cruzou na área, Luidy chegou no meio da área, chapando, batendo com qualidade mas o desvio da defesa evitou o gol de empate.

E praticamente no minuto final, após uma sobra na área, Léo Gamalho chutou cruzado, a bola caprichosamente, explodiu na trave e quase o CRB consegue o empate.

O segundo tempo começou com o CRB mais agressivo e tentando buscar o empate. E logo aos 3 minutos, o CRB chegou ao empate. Em uma cobrança de falta na proximidade da entrada da área, Xandão soltou uma pancada, a bola fez um efeito sensacional, venceu o gol Ronaldo e o CRB empatava o jogo.

O empate ampliou a confiança do CRB que continuou em cima, criando situações para buscar o empate. Aos seis minutos, Léo Gamalho tentou entrar na área, se enroscou com a marcação e caiu dentro da área. O árbitro deu a sequência no lance e não marcou nada.

Na sequência, do lance, aos sete minutos, o Vitória encaixou uma transição muito forte, a defesa voltou a dar espaço e Alisson Farias entrou na área, venceu Lucas Mendes e Thalison Kelven, bateu cruzado para fazer Vitória 2 a 1.

O segundo gol sofrido desestabilizou o CRB. Em dois lances seguidos, Gérson Magrão quase amplia. No primeiro lance, Edson Mardden deu uma grande bobeira e deu um passe para Magrão marcar, o jogador dominou, entrou na área, e deu uma cavadinha, a bola foi por cima e no lance seguinte, chutou forte, a bola passou muito perto do gol defendido por Edson Mardden.

Após o segundo gol, o CRB voltou  a sair para o jogo e em dois lances, o time regatiano teve dois lances seguidos, mas Longuine e Dudu desperdiçaram. Com a derrota se desenhando, o CRB saiu ainda mais. No entanto, as trocas não surtiram efeito, o CRB começou a ficar mais espaçado, cansou e em contra-ataques, o Vitória teve três oportunidades de matar o jogo nos minutos finais, Mas ficou do jeito que estava: Vitória 2 x 1 CRB

Ficha Técnica

Vitória 2 x 1 CRB

Copa do Nordeste – Fase de Classificação – 5ª Rodada

Local: Estádio Manoel Barradas (Salvador-BA)

Árbitro: Antonio  Magno Lima Cordeiro (CBF-CE)

Árbitro Assistente 1: Anderson Moreira de Farias (CBF-CE)

Árbitro Assistente 2: Yuri Rodrigues Reis Cunha (CBF-CE)

4º Árbitro: Bruno Pereira Vasconcelos (CBF-BA)

Renda: R$ 42.956,00 Público: 4.623 torcedores

Cartões Amarelos: Igor Cariús, Xandão(CRB) Léo Ceará , João Vitor(Vitória)

Expulsões: Rafael Carioca (Vitória)

Gols: Léo Ceará (Vitória) 26’ do  1º tempo; Xandão (CRB) 3’ , Alisson Farias (Vitória) 10’ do 2º tempo

Equipes:

Vitória:  Ronaldo, Jonatan Bocão, João Victor, Maurício Ramos e Thiago Carleto; Guilherme Rend e Jean (Gerson Magrão); Fernando Neto (Rodrigo Andrade); Vico, Alisson Farias e Léo Ceará

Técnico: Geninho

CRB: Edson Mardden, Lucas Mendes, Thalisson Kelven, Xandão e Igor Cariús; Claudinei e Carlos Jatobá (; Luidy (João Carlos), Rafael Longuine e Dudu (Bruno Lopes); Léo Gamalho

Técnico: Marcelo Cabo

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.