AMISTOSO DE LUXO

  • terça, 21 julho 2020 00:00
Michel Douglas é esperança de gols para o CSA no retorno das competições Michel Douglas é esperança de gols para o CSA no retorno das competições ASCOM CSA

Na volta do Nordestão, CSA cumpre tabela contra o ABC na Bahia, podendo ajudar a classificar o CRB

Por Isaac Simões

Fotos: Augusto Oliveira-ASCOM CSA

 

Passados longos quatro meses de paralisação devido a pandemia do novo coronavírus, o CSA volta a campo oficialmente, nesta quarta-feira (22), para encarar o ABC-RN, pela última rodada da primeira fase da Copa do Nordeste. Já eliminado da competição, o Azulão apenas cumprirá tabela diante do time potiguar, logo mais às 20h, no Centro Esportivo Praia do Forte, localizado em Mata de São João-BA, a 56km de Salvador.

Apesar da partida não valer mais nada para o CSA, lanterninha do grupo B com 4 pontos, o duelo desta noite definirá a vida do ABC. Com 9 pontos ganhos, o alvinegro corre o risco de perder a 4ª posição para Sport (5º, com nove, atrás no saldo de gols) e CRB (6º, com oito) em caso de tropeço diante dos marujos. Mas, para não precisar “secar” os adversários, uma vitória simples carimba o passaporte potiguar para as quartas de finais do regional.

O CSA deixou Maceió nessa terça-feira de ônibus rumo a Recife, e seguiu de avião para a capital baiana.  Mesmo sem chances de classificação, a expectativa do técnico Eduardo Baptista é avaliar o poder da equipe em ação, após 30 dias de trabalhos no CT Nelson Feijó, visando o início da Série B do Brasileiro em agosto. Ao contrário dos alagoanos, o ABC desembarcou primeiro em terras baianas, mas em contrapartida teve apenas dez dias de preparação para o confronto e deve sentir a parte física.

O Azulão terá mudanças em relação ao time que goleou o Freipaulistano-SE por 4x0 no Rei Pelé, no dia 15 de março. No lugar do volante Jean Cléber, que deixou o clube, a tendência é que o experiente Márcio Araújo faça sua estreia com a camisa azulina, atuando ao lado de Yago. Na armação, Andrigo deve ser o escolhido para substituir Renatinho, entregue ao departamento médico; enquanto no ataque Victor Paraíba dá lugar a Allano.

Além de Renatinho, o volante Geovane e o atacante Alecsandro também estão se recuperando de lesões e sequer viajaram com a delegação, a exemplo de Richard Franco (liberado para acompanhar o nascimento do filho) e Rodrigo Pimpão, suspenso

Assim, o CSA deve ir a campo com Thiago Rodrigues; Caio Felipe, Alan Costa, Luciano Castán e Diego Renan; Márcio Araújo, Yago e Andrigo; Allano, Rafael Bilú e Michel Douglas.

Com muita dificuldade desde a chegada a Salvador, o técnico Francisco Diá vai ter que “quebrar a cabeça” para escolher os onze titulares do ABC, diante do CSA. Apesar dos problemas de logística enfrentados na capital baiana e a chuva dos últimos dias que atrapalhou os treinamentos da equipe natalense, Diá afirmou ter confiança em seus comandados para garantir a classificação para as fases finais do Nordestão.

A escalação do ABC não deve fugir de Rafael; Bruno Souza, Joécio, Vinícius Leandro e Marlon; Felipe Manoel, Cedric, Jailson e Berguinho; Igor Goularte e Paulo Sérgio.

O árbitro Marielson Alves Silva (CBF-BA) apita a partida na Bahia, sendo auxiliado por Marcos Welb Rocha de Amorim (CBF-BA) e Daniela Coutinho Pinto (CBF-BA).

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.