Imprimir a página

Handebol: Ipiranga despacha o CSA e fará decisão do Alagoano feminino

Ipiranga vence CSA e está na decisão do Alagoano de Handebol Feminino Ipiranga vence CSA e está na decisão do Alagoano de Handebol Feminino Alberto Oliveira

Time azulino está garantido na decisão do título masculino e enfrentará o Elite

Ipiranga dominou todas as açõoes do jogo: finalista pelo 3º ano seguido

 

Texto e fotos: Alberto Oliveira

 

Ipiranga (Santana do Ipanema) e CRB farão a decisão do título alagoano de handebol feminino.  As duas equipes asseguraram a vaga na decisão após as semifinais disputadas neste sábado, 26, no Ginásio do SESI, no Trapiche.

Pela manhã, o CRB assegurou um lugar na decisão ao derrotar o Hand+ por 25 a 12. Já no período da tarde, o CSA não resistiu ao Ipiranga, equipe de Santana do Ipanema e foi derrotado por 27 a 19. A classificação do time sertanejo mostra a força do trabalho em Santana: pelo terceiro ano seguido são finalistas da competição.

A decisão do Alagoano Adulto feminino está marcado para as 12h30 no Ginásio do SESI. Logo depois, a partir das 14h, é a vez da decisão do Alagoano masculino, com o CSA enfrentando o Elite.

O domingo da handebol na SESI ainda terá mais três partidas no domingo. A partir das 8h tem a decisão de 3º e 4º lugares entre CSA e Hand+. Logo depois será a vez da disputa do 3º e 4º lugares no masculino envolvendo Ipiranga (Santana do Ipanema) e CRB, que ficou fora da decisão após derrota para o CSA. Ainda haverá um jogo pela categoria de veteranos entre Sacramento e Aliança.

Ipiranga x CSA

CSA lutou mas não conseguiu ser eficiente na semifinal

 

A segunda semifinal do Alagoano feminino foi cercada de expectativa. Com o peso e a fora do nome, o CSA usou seu site para informar do desempenho e até mesmo convocar a torcida para ver o Azulão tentando chegar a final no feminino e decidir o título no masculino.

No entanto desde o começo do jogo, o Ipanema mostrou superioridade. Logo de cara abriu quatro gols de diferença chegando a fazer 4 a 0. O CSA chegou a reagir dentro do jogo, mas o máximo que conseguiu foi diminuir a diferença para três gols. Ao final da etapa inicial estava clara a superioridade do Ipanema que venceu por 11 a 4.

Ipiranga e CSA foram mais intensos na etapa final

 

No segundo período, a partida ficou mais aberta, o CSA chegou a ensaiar uma reação. Mas a medida que o time azulino buscava a reação, desperdiçava ataques e ainda contava com a goleira Carol tendo uma grande atuação e no jogo de ‘troca de golpes’, o Ipiranga sempre convertia seus ataques em gol. Com isso a diferença foi aumentando e o jogo terminou com o placar de 27 x 19 para o time de Santana do Ipanema.