#DE GALA

  • sábado, 15 julho 2017 00:00
CRB joga de forma inteligente e em atuação muita competitiva derrota Inter e chega aoG4 CRB joga de forma inteligente e em atuação muita competitiva derrota Inter e chega aoG4 Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas

Com atuação inteligente, CRB é mortal, segura Internacional, vence e chega ao G4

 

O CRB fez uma partida inteligente contra o Internacional. Foi cirúrgico. Jogou com paciência, foi intenso quando não tinha a vantagem e defendeu como um gigante após criar a vantagem. O resultado foi uma vitória categórica por 2 a 0. Os gols foram marcados por Diego aos 44 minutos do 1º tempo e por Neto Baiano também aos 44 minutos do 2º tempo.

Com a vitória sobre o Internacional, o CRB chegou aos 23 pontos, subindo duas posições e entrando no 4º lugar entrando na zona de classificação para a Série A. Já o Internacional caiu uma posição, passa a ocupar a 6ª colocação com apenas 21 pontos.

Na próxima rodada, o CRB enfrentará o Juventude, na 3ª feira, 18, 19h15, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias. Já o Internacional enfrentará o Luverdense, também na 3ª feira, 21h30, na Arena Beira Rio.

O Jogo

O CRB começou a partida de forma intensa. Marcando alto, sem dar espaço para o Internacional respirar. O CRB concentrava o jogo pelo lado direito com infiltrações de Danilo Pires e muita movimentação de Edson Ratinho.

Aos 11 minutos na primeira chegada do Internacional quase o primeiro gol colorado. Após uma tentativa de ligação de Edenilson com Nico Lopez, a bola sobrou para Felipe Guitierrez, que dentro da área, chutou em diagonal, mas muito por cima.

A resposta do CRB veio aos 18 minutos. Diego fez jogada individual e cruzou com muita precisão, Danilo Pires subiu de cabeça, sozinho, mas cabeceou errado e perdeu a primeira oportunidade de gol para o CRB.

Apesar da maior posse de bola ser do CRB, mas o Internacional chega com mais perigo. Aos 26 minutos, cruzamento de Nico Lopez e Charles cabeceou para Edson Kölln fazer a ponte e não dar rebote.

Já na reta final do 1º tempo, o CRB criou uma linda jogada. Diego iniciou a jogada pelo lado esquerdo, chamou Zé Carlos para participar do jogo, ele de costas deu o passe preciso, Diego entrou na área em diagonal e bateu cruzado, tirando de Danilo Fernandes e abrindo o marcador: CRB 1 a 0.

O segundo tempo começou com o CRB marcando um pouco mais baixo, mas com uma marcação mais frouxa, permitindo que o Internacional conseguisse trocar muitos bases e passar a ter o controle do jogo.

O jogo ficou com o Inter tendo posse, mas sem incomodar e o CRB sem conseguir encaixar o contra-ataque. Mas em três lances o CRB chegou com a possibilidade de marcar. No primeiro, Edson Ratinho chutou forte e Danilo chegou a tocar na bola, evitando que ela entrasse. Novamente Ratinho arrancou, Neto Baiano pedia no meio, mas ele chutou cruzado e errou a finalização. O último lance foi uma falta rolada por Chico para Neto bater para o gol. A bola ganhou velocidade e passou muito próximo do ângulo esquerdo do goleiro Danilo Fernandes.

O CRB continuou jogando de forma inteligente , defendendo com muita força e saindo na velocidade. Aos 44 minutos, escanteio cobrado por Edson Ratinho e de cabeça Neto Baiano fuzilou o goleiro Danilo Fernandes: 2 a 0

 

Ficha Técnica

CRB 2  x 0 Internacional

Campeonato Brasileiro – Série B – 14ª Rodada

Local: Estádio Rei Pelé (Maceió-AL)

Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC-CBF)

Árbitro Assistente 1: Carlos Berkenbrock (SC-CBF)

Árbitro Assistente 2: Johnny Barros de Oliveira (SC-CBF)

4º Árbitro: José Reinaldo Figueiredo (AL-CBF)

Renda:  Público:

Cartões Amarelos: Zé Carlos (CRB) Klaus, Victor Cuesta, William Pottker (Internacional)

Gols: Diego (CRB) 44’ do 1º tempo e Neto Baiano (CRB) 44’ do 2º tempo

Equipes:

CRB: Edson Kölln, Adriano, Flávio Boaventura, Adalberto e Diego; Yuri; Edson Ratinho, Danilo Pires(Toni), Chico e Erick Salles(Rodrigo Souza); Zé Carlos(Neto Baiano)

Técnico: Dado Cavalcanti

Internacional: Danilo Fernandes, Claúdio Winck (Carlos), Klaus, Victor Cuesta e Uendel; Charles e Edenilson; Felipe Gutierrez, D’Alessandro (Juan) e Nico Lopes(Marcelo Cirino); William Pottker

 

Técnico: Guto Ferreira

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.