PREMONIÇÃO

  • terça, 07 novembro 2017 00:00
CRB vence Juventude e se aproxima da permanência CRB vence Juventude e se aproxima da permanência Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas

Apoiado por Mazola, Zé Carlos marca , garante vitória do CRB e saída da zona de rebaixamento

 

O CRB conseguiu uma vitória importantíssima na busca pela permanência na Série B. Com eficiência, o CRB venceu o Juventude por 2 a 0. Apoiado pelo técnico Mazola Júnior, Zé Carlos teve até a ‘premonição’ do treinador que voltaria a ser o Zé dos Gols e marcou o primeiro gol do Galo e já nos acréscimos, cobrando pênalti, Tony marcou o segundo cobrando pênalti.

Com a vitória, o CRB chegou aos 42 pontos, subiu duas posições na tabela e chegou a 14ª posição. O resultado fez o Galo abrir dois pontos para a zona de rebaixamento e colocar duas equipes entre ele e a equipe que abre a zona de rebaixamento. Já o Juventude permaneceu com 49 pontos e na oitava colocação.

Na próxima rodada, o CRB tem uma nova ‘decisão’. O Galo vai enfrentar o Guarani, no próximo sábado, 11, ás 18h, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas. Já o Juventude receberá o Oeste, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias, enfrentando o Oeste.

 

O Jogo

A partida entre CRB e Juventude começou de forma bem intensa. Jogando em casa e na zona de rebaixamento, o CRB começou tomando a iniciativa. Os jogadores entenderam que uma das alternativas ofensivas eram os chutes de média distância.

Tinga e Danilo Pires  experimentaram de fora de área, mas sem assustar o goleiro Cavichioli. Aos doze minutos foi a vez de Edson Ratinho arriscar de fora da área e forçar o goleiro do Juventude fazer uma grande defesa.

O Juventude ainda criou duas situações. A primeira em uma jogada individual sensacional de Leilson que deu um ‘come’ na defesa do CRB , passou por três, se equilibrou e acertou um rasteiro para uma bela defesa de Edson Kolln. Em outro lance, o time gaúcho encaixou um contra-ataque de manual e Tiago Marques chegou, venceu a defesa em velocidade e chutou em diagonal, rasteiro, assustando Edson Kolln.

Mais aos 19 minutos, o CRB encaixou uma grande jogada pelo lado direito. Edson Ratinho foi a linha de fundo e cruzou com precisão, Zé Carlos subiu mais que a zaga, cabeceou forte e abriu o marcador: CRB 1 a 0.

Aos 31 minutos, Edson Ratinho errou um passe no meio, o Juventude criou uma situação de velocidade e após um cruzamento, Flávio Boaventura tentou tirar e quase manda contra as próprias redes.

Sem ter um posicionamento defensivo correto, a marcação do CRB era muito frouxa e em novo contra-ataque, Tiago Marques, cortou para dentro e com muita categoria bateu com precisão, Edson Kolln se esticou todo e fez uma grande defesa.

O segundo tempo começou com o CRB com uma marcação melhor. Com o time mais posicionado, a ‘sangria’ do tempo inicial parou. O Juventude tentava mas não criava mais tantas chances para finalizar em gol.

Com isso, o CRB tinha o contra-ataque, mas não aproveitava as situações do ataque. Em um dos lances, Tinga não conseguiu ver a passagem de Danilo Pires e acabou insistindo na jogada errada.

O Galo continuou jogando sem correr riscos. O time do Juventude não conseguiu a mesma desenvoltura e o time alagoano travou tanto a bola central, por dentro, como as bolas pelos lados.      

Já aos 46 minutos, o CRB desperdiçou uma chance incrível em três lances seguidos. No contra-ataque, Edson Ratinho cortou e tocou para Erick Salles que bateu e o goleiro do Juventude, defendeu, no rebote Edson Ratinho perdeu embaixo do gol.

Já aos 49 minutos, Mateus Cavichioli derrubou Edson Ratinho na área. Pênalti. Tony bateu com categoria e garantiu a vitória do CRB: 2 a 0.                                                                                                                                                                                                                                                                        

Ficha Técnica

CRB 2 x 0 Juventude

Campeonato Brasileiro – Série B – 34ª Rodada

Local: Estádio Rei Pelé (Maceió-AL)

Árbitro: João Batista de Arruda (CBF-RJ)

Árbitro Assistente 1: Luiz Claudio Regazone (CBF-RJ)

Árbitro Assistente 2: Gabriel Conti Viana (CBF-RJ)

4º Árbitro: José Ricardo Laranjeira (CBF-AL)

Renda: R$ 73.350,00  Público: 10.048 torcedores (com 8.183 pagantes)

Cartões Amarelos: Marcos Martins, Zé Carlos, Tinga (CRB) Bruno Ribeiro, Maurício, Micael (Juventude)

Gols: Zé Carlos (CRB) 19’ do 1º tempo; Tony  (Pêalti-CRB) 49’ do 2º tempo

Equipes:

CRB: Edson Kolln, Marcos Martins, Flávio Boaventura, Adalberto e Diego; Yuri e Danilo Pires(Tony); Edson Ratinho, Chico(João Paulo Penha) e Tinga; Zé Carlos (Erick Salles)

Técnico: Mazola Júnior

Juventude: Matheus Cavichioli, Bruno Ribeiro, Micael, Maurício e Pará; Mateus Santana, Diego Felipe e Leilson(Juninho); Felipe Lima(Iago), Tiago Marques e Ramon(João Paulo)

 

Técnico: Antonio Carlos Zago

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.