DERROTADO

  • sábado, 25 setembro 2021 00:00
CRB comemorou gol de empate, mas tomou o segundo e perdeu para o Avaí CRB comemorou gol de empate, mas tomou o segundo e perdeu para o Avaí Francisco Cedrim - CRB

No reencontro com a torcida, CRB joga mal, perde para o Avaí mas fica no G4

 Por Alberto Oliveira

O reencontro do CRB com o seu torcedor não trouxe um final feliz. Jogando neste sábado à noite no Estádio Rei Pelé, o CRB foi derrotado pelo Avaí por 2 a 1 em jogo válido pela 26ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Os gols do jogo foram todos marcados na etapa inicial que foi muito movimentada. O Leão da Ilha abriu o marcador aos 24 minutos quando Gétulio roubou a bola de Marthã e finalizou no cantinho. Cinco minutos depois, o Galo empatou. Diego Torres cobrou escanteio, Gum subiu de cabeça e empatou o jogo. No entanto, o ato final do primeiro tempo colocaria o Avai novamente na frente do marcador. Após uma falta em cima de Vinicius Leite, a bola foi alçada na área, houve um rebote, Edilson arrastou a marcação e cruzou na pequena área e encontrou o zagueiro Alemão, para sozinho, desviar de cabeça e mandar para o fundo do gol recolocando o Leão em vantagem.

No segundo tempo. o CRB somente mostrou força nos minutos iniciais. Depois disto, o experiente time do Avaí cozinhou o jogo e assegurou uma importante vitória em um confronto direto pelo G4.

Com o resultado, o CRB estacionou nos 44 pontos e permaneceu no G4, ocupando a quarta posição na tabela de classificação. A derrota fez o CRB diminuir a diferença que tinha para o Avaí, recolocando a time catarinense forte na briga pelo acesso. Ao vencer a segunda partida seguida em confrontos com times que estão no G4, o Avaí chegou aos 43 pontos, está a um ponto do próprio CRB e assumiu a quinta posição, que anteriormente era do Guarani.

Na próxima rodada, o CRB enfrentará o Náutico, na próxima terça-feira,28, ás 19h, no Estádio dos Aflitos. Já o Avaí jogará também na terça-feira, mas ás 16h, no Estádio da Ressacada enfrentando o Londrina.

Os minutos iniciais da partida entre CRB e Avaí foram intensos. Logo aos dois minutos, Jajá ganhou de Alemão e ficou cara-a-cara com o goleiro Gledson. O atacante regatiano bateu, a bola chegou a passar pelas pernas do goleiro, mas foi amortecida pelo toque no corpo do goleiro e permitiu que o goleiro fizesse a defesa. O CRB ainda insistiu para abrir o marcador desta vez com Gum, que cabeceou mas novamente, o goleiro do Avaí fez outra defesa sensacional.

O primeiro ataque efetivo do Avaí surgiu apenas aos 22 minutos. Vinicius Leite fez bela jogada pelo corredor esquerdo, cortou para dentro e bateu com muita categoria, buscando o ângulo esquerdo do goleiro Digo Silva, mas com um tapinha na bola, o camisa 1 do CRB, evitou a abertura do marcador.

Mas dois minutos depois não teve jeito. O alagoano Getúlio foi experto, roubou a bola de Marthã perto da entrada da grande área, avançou um pouco e acertou um chute rasteiro, no canto direito do goleiro Diogo Silva. Avaí 1 a 0.

Não deu tempo para o CRB sofrer um grande abalo com o gol sofrido. Era 29 minutos – portanto, cinco minutos após o gol do Avaí, quando Diego Torres cobrou um escanteio, para Gum subir sozinho e cabecear para o fundo do gol. Era o empate do CRB 1 a 1.

O jogo chegou a esfriar depois dos 30 minutos, mas aos 44 minutos, Edilson fez boa jogada pelo lado esquerdo da defesa do Galo e cruzou, como o lance original foi uma falta no lado direito, os zagueiros ainda estavam na área e após o cruzamento do camisa 2 , Alemão surgiu sozinho, dentro da pequena área somente para conferir e recolocar o Avaí em vantagem: 2 a1.

O começo do 2º tempo trouxe mudanças e um CRB com agressividade de Nicolas Careca. Aos dois minutos, ele deu uma de extremo, foi ao fundo e encontrou Diego Torres dentro da área, sozinho para empatar o jogo. Torres bateu chapando a bola e caprichosamente. Ela passou do lado direito da meta do Avaí. Gol perdido. Não demorou muito e Careca voltou a aprontar. El tentou a finalização pelo corredor direito, o goleiro deu um rebote e Diego Torres surgiu com uma bala, tocando na bola para que ela beijasse a trave.

Após os dez minutos, o CRB perdeu o poder de pressão e com experiência, o Avaí passou a ditar o ritmo de jogo, alargando o campo e valorizando a posse de bola. O Leão da Ilha controlou o jogo e ainda teve uma chance de definir a partida, marcando o terceiro gol, quando Valdivia entrou na área sozinho e tentou encobrir o goleiro Diogo Silva, mas errou a força e desperdiçou a última oportunidade do jogo.

CRB 1 x 2 Avaí

Campeonato Brasileiro – Série B – 26ª Rodada

Local: Estádio Rei Pelé (Maceió-AL)

Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (CBF-GO)

Árbitro Assistente 1: Hugo Sávio Xavier Correa (CBF-GO)

Árbitro Assistente 2: Paulo Cesar Ferreira de Almeida (CBF-GO)

4º Árbitro: Helder Brasileiro de Aquino (CBF-AL)

Árbitro de Vídeo: Rodrigo Nunes de Sá (FIFA-RJ)

Árbitro Assistente VAR: Rejane Caetano da Silva (FIFA-RJ)

Cartões Amarelos:Marthã (CRB)

Gols: Getúlio (Avaí) 24’ , Gum (CRB) 29’ e Alemão (Avaí) 43’ do 1º tempo

 

Diogo Silva, Reginaldo Lopes, Gum, Caetano e Guilherme Romão; Marthã(Claudinei), Wesley (Renaan Bressan) e Diego Torres; Jajá(Nicolas Careca), Pablo Dyego (Calyson) e Alisson Farias(Emerson)

Técnico: Allan Aal

Gledson, Edilson, Alemão, Betão e Diego Renan; Bruno Silva, Marcos Serrato (Wesley) e Lourenço(Valdivia); Copete(Renato), Vinicius Leite (Rômulo) e Getúlio(Jonathan)

Técnico: Claudinei

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.