Imprimir a página

ANTECIPADO

Na reapresentação azulina alguns jogadores fizeram treino leve no CT Gustavo Paiva Na reapresentação azulina alguns jogadores fizeram treino leve no CT Gustavo Paiva Ailton Cruz - Gazeta de Alagoas

CSA terá estreia de Angulo e retorno de Mota contra o ASA

 

 

 

A semana de treinamentos do CSA apenas começou ontem com a reapresentação do elenco após o jogo contra o Cuiabá, mas o técnico Ney da Mata já começa a trabalhar situações de jogo para o confronto contra o ASA, no sábado, 21h, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca.

A equipe deverá ter até cinco mudanças na formação base do time. Três por aspectos de suspensão ou contusão e duas outras por um retorno e por uma estreia.

Após ter ficado de fora nos jogos contra o Salgueiro e contra o Cuiabá, o goleiro Mota retoma a titularidade do gol azulino. Já o atacante equatoriano Daniel Angulo também estará fazendo sua estreia com a camisa do CSA no próximo sábado.

As outras mudanças no time atendem dois jogadores com problemas de suspensão. O zagueiro Jorge Felipe, que fez três jogos e tomou um cartão por partida, e o lateral direito Dick receberam o terceiro cartão amarelo. Já o atacante Gustavinho apresenta um problema de contusão e seguirá em tratamento.

As opções do técnico azulino serão construídas ao longo da semana, mas alguns caminhos foram dados. Sem Dick, o substituto natural é o lateral Celsinho. Para a defesa a escolha já não é tão fácil de cravar. Na próprio entrevista coletiva após o jogo contra o Cuiabá, Ney da Mata assegurou a manutenção do zagueiro Rodrigo Lobão e deixou claro que Thales e Leandro brigam pela segunda vaga na defesa. Já para o lugar de Gustavinho é melhor nem pensar agora. Ney da Mata tem diversas opções que irão se encaixar no transcorrer da semana e na estratégia que será montada para o jogo.

SUSTO

No treinamento de ontem, o técnico azulino separou o grupo. Os jogadores que atuaram um tempo ou a partida inteira fizeram um trabalho funcional para abrir a semana de treinamentos.

O restante do grupo foi para o campo e sob o comando do técnico azulino fizeram um exaustivo trabalho de finalização.

Próximo de todos os jogadores, Ney da Mata foi extremamente participativo, cobrando a chegada com qualidade e a perfeição na finalização. O aproveitamento foi considerado positivo e nas finalizações, o jovem atacante Soares, que ainda faz parte do time Sub20, foi um dos destaques.

Durante o trabalho, o meia Rosinei sofreu uma torção no joelho direito. Imediatamente deixou o trabalho e iniciou um tratamento com gelo. Logo após foi até o departamento médico onde realizou movimentos funcionais que deixaram o jogador tranquilo e com a certeza que foi apenas um susto.

 

Na saída do departamento médico, o próprio Rosinei conversou com o técnico Ney da Mata explicando que não havia acontecido nada. “Fiz movimentos, flexionei o joelho e fiz alguns giros, o Afonso (fisioterapeuta do CSA) disse que um jogador que se machucou não faria estes movimentos. Foi realmente apenas um susto”, disse Rosinei para o técnico azulino.