ACREDITOU !

  • sábado, 05 agosto 2017 00:00
O CSA empatou em São Luís com o Moto Club e manteve na liderança da Série C O CSA empatou em São Luís com o Moto Club e manteve na liderança da Série C L17 Comunicação

Nos acréscimos e após martelar muito, CSA arranca empate sofrido contra o Moto

 

A história foi repetida no confronto contra o Moto Club.  Novamente o jogo foi decidido somente nos acréscimos da partida. O Moto Club vencia por 1 a 0, depois o CSA lutou, martelou, alçou um sem números de bolas na área, perdeu oportunidades e conseguiu o empate já aos 48 minutos do 2º tempo.

O jogo foi tão curioso que os dois goleiros praticamente não fizeram uma defesa. Além do mais, os dois gols da partida foram marcados pelo zagueiro Jorge Felipe, o gol do Moto Club contra e o gol do empate também marcado por ele de cabeça.

Com o empate, o CSA chegou aos 24 pontos e manteve o primeiro lugar. Já o Moto Club chegou aos 13 pontos e ocupa a 8ª posição na tabela de classificação.

Na próxima rodada, o CSA enfrentará o Remo, sábado,12, ás 16h, no Estádio Rei Pelé. Já o Moto Club enfrentará o Botafogo (PB), no domingo, 13, ás 16h, no Estádio Almeidão, em João Pessoa.

O Jogo

Em situações absolutamente diferentes, Moto Club e CSA iniciaram a partida em São Luís. Em casa, o Moto partiu para o abafa, mas nos primeiros momentos do jogo, o CSA mostrou que iria comandar as ações da partida.

Aos 31 minutos, o CSA teve a primeira grande oportunidade na partida. Em falta na entrada da área, Daniel Costa bateu com muita categoria e a bola bateu na trave, assustando o goleiro Saulo.

Apesar de ter maior posse de bola, o CSA criava poucas situações de jogo e não conseguia finalizar.

No segundo tempo, o jogo estava muito bem desenhado: o Moto se segurava e tentava em uma bola, matar o jogo. Já o CSA tentava criar mas situações de jogo e continuava sem finalização.

Apesar da pressão, o primeiro lance de perigo surgiu apenas aos 30 minutos, quando Maxsuel Samurai subiu com estilo e cabeceou na trave.

Somente aos 39 minutos da etapa final, o CSA conseguiu uma jogada de ultrapassagem. Thales surgiu pelo lado, Dick saiu como opção de pivô e tocou nas costas da defesa para o próprio Thales, que cruzou como se fosse um ponta. A bola atravessou toda a área e ninguém apareceu para empurrar para o gol.

Após tanto pressionar, o CSA chegou ao gol aos 47 minutos. Rafinha cruzou, a defesa não conseguiu cortar e Jorge Felipe sozinho, meteu para o gol com estilo: 1 a 1.

Ficha Técnica

Moto Club (MA) 1 x 1 CSA

Campeonato Brasileiro – Série C – 13ª Rodada

Local: Estádio Governador João Castelo ‘Castelão’ (São Luís-MA)

Árbitro: José Claudio  Rocha Filho (CBF-SP)

Árbitro Assistente 1: Anderson José de Moraes Coelho (CBF-SP)

Árbitro Assistente 2: Bruno Salgado Rizo (CBF-SP)

4º Árbitro: José Henrique de Azevedo Junior (CBF-MA)

Renda: R$ 30.475,00  Público: 2.261 torcedores (com 1.441 pagantes)

Cartões Amarelos: Thales(CSA)

Expulsões: Diego Renan (Moto Club)

Gols: Jorge Felipe (contra-Moto Club) 16’ do 1º tempo; Jorge Felipe (CSA) 48’ do 2º tempo

Equipes:

Moto Club: Saulo, Diego Renan, Michel, Lula e Lorran; Diogo Oliveira e Felipe Dias; Danilo Bala(Toni Galego), Alex Henrique (Valber) e Danilo Barros; Paquetá (Toti)

Técnico: Márcio  André

CSA: Mota, Dick, Jorge Felipe, Thales e Rafinha; Boquita e Rosinei(Caique); Edinho(Maxsuel Samurai), Daniel Costa e Raul Diogo(Raul Diogo); Daniel Ângulo

 

Técnico: Ney da Mata

deixe um comentário

Make sure you enter the (*) required information where indicated. HTML code is not allowed.